Projeto da Coordenação de Inovação e Tecnologias do CEST para crianças com autismo é selecionado para Programa de Aceleração do SEBRAE

Uma das maiores dificuldades vivenciadas pelas crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA) é o processo de comunicação, seja no desenvolvimento da linguagem oral ou na compreensão do que lhes é falado, o que implica diretamente no progresso das suas habilidades sociais.

Tendo em vista tal problemática e a relação da Faculdade CEST com sua mantenedora, a APAE de São Luís, a Coordenação de Inovação e Tecnologias do CEST desenvolveu o projeto de um aplicativo que auxilie no processo de comunicação dessas crianças – o “Projeto APAE AMA”, que foi selecionado entre mais de 200 projetos para o Programa Startup Nordeste de Aceleração, patrocinado pelo SEBRAE.

O Programa Startup Nordeste de Aceleração visa a desenvolver ideias potenciais, projetos inovadores e startups em fase de ideação, por meio da pré-aceleração, aceleração e investimento (bolsas), contando com uma grande rede de mentores e facilitadores que promovem conexões importantes no Brasil e no Mundo.

O Projeto APAE AMA objetiva a criação de uma plataforma digital de informação e difusão de conteúdos sobre o Transtorno do Espectro Autista e outros distúrbios do neurodesenvolvimento e comunicação social, além de disponibilizar atividades de gamificação utilizando as temáticas locais e nacionais. Participaram do desenvolvimento do Projeto os Professores Thiago Nelson Faria dos Reis, Claudiane Diniz da Silva, Pedriana de Jesus Pavão Castro e Dadilton Bastos Melo.

Agora o Projeto entra em fase de pré-aceleração, com mentorias coletivas e workshops para aprofundamento e esclarecimento de dúvidas com os empreendedores sobre os conteúdos e as práticas apresentadas, orientação e indicação de conteúdos específicos que auxiliarão no processo de modelagem e prototipagem do aplicativo.

A Faculdade Santa Terezinha – CEST acredita no potencial inovador do nosso time e parabeniza os docentes pelo empenho e compromisso com o desenvolvimento tecnológico e a responsabilidade social da instituição, desejando sucesso na aplicação de seu projeto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.